terça-feira, 31 de março de 2009

E a vaca foi pro brejo...de novo...rsrsrs

Eis que o dia chegou novamente.
Desta vez, bem menos ansiosa.
Fui trabalhar e sai no horário do almoço. Não tinha fome, mas comi dois pães de queijo para não passar mal.
Aula prática antes da prova. Além de mim havia outra menina que também já reprovara.
Fomos bem na aula. Tudo tranquilo.
Detran. A bagunça de sempre, porém, menos gente que da primeira vez.
Calor terrível!
Tudo combinado: eu faria a baliza primeiro e a outra menina sairia com o carro.
Lá vem o examinador. Não nos agradou à primeira vista...(nem depois, hehehe).
A baliza foi maravilhosa! Pelo menos esta era a impressão que eu tinha de dentro do carro. Mamãe se orgulharia! Ela nem sabe dirigir, mas tudo bem...hehehe.
Chegou a vez da colega.
Até fez direitinho...mas na hora de dar a ré...vixi...danou-se...errou feio e o "simpático" examinador disse que estava dispensada. Coitada...
Pensei: "que droga, vou ter que sair com o carro..."
Tudo bem, eu ainda estava tranquila.
Saí na faixa da esquerda, mas até aí, ainda tudo certo.
Direita, esquerda, troca a marcha, estava indo bem.
Paramos numa bifurcação e vinha um cara que eu não sabia se ia continuar ou não. Resolvi esperar.
"É dona Adriana, desse jeito vamos ficar o dia todo aqui..."
Ai que ódio da estupidez daquele cara!
Na hora de sair, o carro morreu. Ou como dizia o instrutor das aulas teóricas, eu o matei! rsrsrs
Vinham uns pedestres e esperei mais um pouco. Veio um ônibus.
E o idiota, novamente: "Já podia ter saído, vamos logo..."
Alguém já foi condenado por matar um examinador? hehehehe
O carro morreu de novo (quantas vidas será que ele tem? rsrs).
Acabei utilizando a marcha errada, ele pediu para estacionar.
Danou-se de novo...
Nosso instrutor não se conformava..."Mas vocês estavam tão bem na aula..."
Chegamos na auto-escola e logo após chegaram outras duas que também fizeram o teste. Adivinha? Reprovaram também.
Não foi um bom dia...
E mais R$ 45,00 pro Detran. E, pior, para pagar o salário daquele examinador...
Mas pensei: "Não é esse homem que vai acabar com a minha alegria..."
Não dava mais tempo de voltar pro trabalho. E eu nem tinha vontade...
Resolvi ir ao shopping pra "desestressar". Maravilha!
Agora estou bem melhor, hehehe.
Daqui a mais ou menos um mês eu conto minha nova aventura no Detran (nova e espero que a última!).

Nenhum comentário: