sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Histórias na auto-escola

Chegando ao fim das aulas teóricas na auto-escola!
Pensei que nunca iria acabar, hehehe.
A pior parte são os videozinhos...dão um sono terrível!
Ainda bem que o instrutor é engraçado, pois do contrário teria dormido muito nas aulas.
Cada dia ele tem piadas e histórias para ilustrar o assunto. As piadas preferidas dele são de português, de baiano e de loira.
Vive falando mal da sogra também, hehehehe.
E tem gente que faz uns comentários terríveis...
Vejamos algumas histórias e comentários, com seus respectivos autores, não necessariamente nesta ordem:
1) Instrutor, falando sobre pneus, segurando os "pneus" do seu corpo: "Isso aqui é excesso de gostosura! Sim, pois tudo o que a gente come de gostoso vem parar aqui"

2) Instrutor: "Porque hoje em dia tem combustível batizado. Batizado, crismado, casado..."

3) O instrutor disse que teria que dar uma "folga" no volante, nem lembro para quê. Aí, um menino "super-esperto" comentou que tem gente que não dá uma folga e sim, dá "férias" no volante.


4) Como disse, o homem adora falar da sogra. Eis que estava comentando que para escolher a mulher para casar, tinha que olhar a mãe dela, pois no futuro seria igualzinha. O mesmo "super-esperto" comentou: "Professor, eu já fiz isso; fiquei olhando para minha sogra e pensei até em trocar a filha pela mãe!"


5) O instrutor falando alguma coisa sobre o carro e um outro cara comentou: "Mas professor, você não imagina o que a minha filha fez. Deixou a marcha engatada e acelerou. Derrubou a parede e entrou dentro de casa. E olhe que ela fez auto-escola." Aí, o professor respondeu, tendo em vista que o homem é loiro: "Não preciso nem perguntar a cor do cabelo dela né?"


6) O instrutor falando sobre primeiros socorros (sobre manter a calma, etc.), comentou que uma vez a vizinha estava cortando a franja de sua filha. De repente, esta pôs as mãos sobre os olhos e gritou: "Ai, meus olhos!". A vizinha entrou em pânico, achando que tinha furado o olho da menina. O filho do instrutor gritou: "Socorro, minha irmã está cega!". Eis que o instrutor foi ver o que aconteceu. Viu aquela cena patética e descobriu seus olhos...pronto! A menina percebeu que não estava cega.


Se eu lembrar de mais alguma história eu escrevo...

Nenhum comentário: